melhoresamigos.com.br

Information

This article was written on 17 jul 2003, and is filled under Arquivo Cãofidencial, Cachorros.

O mais triste dos episódios de Futurama

Que eu virei um frouxo depois da chegada do Sagan todo mundo que me conhece já sabe. Mas ontem a Mônica viu um episódio do Futurama que me deixou muito triste. Tão triste que eu tenho vergonha de contar…

O nome é “Jurassic Bark” e fala do possível reencontro entre Fry e seu cachorrinho Seymour. Na história, a pizzaria na qual Fry trabalhou em 1999 vira objeto de uma exposição arqueológica e, quando Fry vai lá relembrar os velhos tempos, descobre que há um fóssil de seu cãozinho.

Fry o conheceu durante um trote no qual o chamaram para entregar uma Pizza e deixaram o cãozinho feioso no lugar. Mas ele se afeiçoa ao cachorrinho e a dupla se torna inseparável. No dia em que Fry é congelado, Seymour chega a pedir que ele não vá (que nem todo cachorrinho faz quando vê seu dono indo embora).

O episódio então mostra a luta de Fry primeiro para ganhar posse sobre o fóssil de Seymour e depois para tentar cloná-lo, recuperando as memórias do bichinho.

Acontece que, no momento em que o bichinho vai ser clonado, Fry descobre que Seymour, que tinha três anos quando se separou do dono, morreu com 15 anos. Ele desiste de trazer seu mascote de volta porque acha que ele viveu muito mais tempo sem ele e que deve ter tido outros donos.

Em um caso de extrema maldade com seus telespectadores, o escritor do episódio mostra o pobre bichinho descobrindo o que aconteceu com Fry e tentando avisar seus pais. Mas ninguém dá atenção a ele. Pior, Seymour passou o resto de sua vida na porta da pizzaria esperando pela volta de Fry… :-(

Depressão total.

(texto publicado originalmente em www.alexmaron.com.br)

Be Sociable, Share!